14.11.14

diabetes gestacionais 2 - Rosa 1

Andei uns dias com os valores de glicose decentes, mas de há uns dias para cá os valores voltaram a disparar. Pensei que poderia ser por estar fora de casa. Apesar de tentar seguir a dieta, não fui eu que cozinhei durante os dias em Londres e, por muito que tentasse escolher bem o que comia, não conseguia controlar todo o processo. Voltei a Itália e a casa e os valores altos mantiveram-se. Ontem comi o que já comi noutras ocasiões com bons resultados, mas desta vez foram desastrosos. 

Ontem tive consulta e tive vontade de esbofetear o endocrinologista. Primeiro comentário da criatura mal lhe ponho a tabela dos valores à frente "Não anda a seguir a dieta". Não gostei do comentário, mas lá expliquei à alma que efectivamente não estava a seguir a dieta que me tinha indicado, porque com aquela dieta não conseguia controlar os valores de glicose, o que me obrigou a fazer adaptações. Contei-lhe que praticamente não comia hidratos de carbono (que a dieta indicada por ele permite) porque se, por exemplo, tocasse em pão ou massa os valores não eram altos, eram altíssimos. Dei-lhe o exemplo do meu pequeno-almoço: um tomate cru, queijo ricota e chá e que só assim conseguia ter valores decentes. Expliquei que esta adaptação da dieta tinha resultado durante uns dias, mas que agora não funcionava. Fez orelhas moucas e voltou a insistir em seguir a dieta. Eu não tenho grande paciência para falar com quem não me ouve nem quer ouvir.

Ele é o especialista, tem obrigação de saber que os diabetes gestacionais podem não se resolver só com dieta. Eu estou a perder peso, bolas! Isso não chega para ele perceber que eu não ando a comer bolas de Berlim às escondidas? Há casos de diabetes gestacionais em que as grávidas têm que tomar insulina porque por mais voltas que dêem à dieta e à imaginação não conseguem controlar os valores da glicose. Lamento muito, mas não tenho mão nas hormonas produzidas pela minha placenta. Durante a consulta lembrei-me da obstetra que mal identificou os diabetes gestacionais disse que o mais certo seria eu ter que tomar insulina, porque dado o meu peso não estava a ver como é que a dieta poderia resolver a questão.

Depois de muito discursar sobre a dieta lá disse que iria começar a tomar insulina, "mas só duas doses uma vez por dia, e não é para relaxar relativamente à dieta!". Nesta fase já imaginava o médico como um bonequinho de voodoo nas minhas mãos e eu espetava-o alegremente com várias canetas de insulina e outras tantas da glicémia.

Portanto é isto, um mês depois vou começar a tomar insulina. Espero que isto me ajude a ter valores normais de glicose no sangue. Olhar para o monitor e ver lá um valor exorbitante depois de ter comido duas rodelas de cenoura e três folhas de espinafres é desesperante.

1 comentário:

  1. Oh que grande xatisse pah!!!
    Espero que tudo se resolva e corra bem :) irá concerteza :)

    [BLOG Desabafos e Coisas]
    [FACEBOOK]

    ResponderEliminar